No dia em que a princesa Diana completaria 60 anos, seus filhos, os príncipes William e Harry, inauguraram uma estátua da mãe no pátio do Palácio de Kensington, em Londres, na Inglaterra. O local é a antiga residência da princesa, e atualmente é o seu primogênito que mora lá. O monumento está instalado no jardim Sunken, que era um dos lugares preferidos de Lady Di.

A estátua, projetada pelo escultor Ian Rank-Broadley, foi encomendada pelos príncipes em 2017 para marcar o vigésimo aniversário da morte da sua mãe e para “reconhecer seu impacto positivo”. Diana morreu um acidente de carro no dia 31 de agosto de 1997, quando William e Harry tinham, respectivamente, apenas 15 e 12 anos.

Os irmãos, que tem enfrentado uma relação conturbada desde que Harry abdicou de suas funções reais e se mudou para os Estados Unidos junto da esposa, Meghan Markle, deixaram as desavenças de lado para comparecer juntos à cerimônia e prestar as homenagens à mãe. 

“Hoje, no que seria o 60º aniversário de nossa mãe, lembramos seu amor, força e caráter – qualidades que a tornaram uma força para o bem em todo o mundo, mudando inúmeras vidas para melhor. Todos os dias, desejamos que ela ainda esteja conosco, e nossa esperança é que esta estátua seja vista para sempre como um símbolo de sua vida e de seu legado. Obrigado a Ian Rank-Broadley, Pip Morrison e suas equipes por seu excelente trabalho, aos amigos e doadores que ajudaram a fazer isso acontecer e a todos aqueles ao redor do mundo que mantêm viva a memória de nossa mãe”, escreveram os dois em comunicado publicado pelo perfil oficial dos duques de Cambridge.

Devido a pandemia, poucas pessoas compareceram à cerimônia, dentre eles o irmão de Lady Di, Charles Spencer. O príncipe Charles, com quem a princesa se casou há 40 anos e de quem se divorciou em 1996, não compareceu à cerimônia.

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published.