Depois de assistir ao episódio em que uma mulher disse à pivô para ir “trabalhar para as obras”, a atriz confessou estar cansada e revoltada com as pessoas que fazem comentários “racistas” e passam “impunes”.

“Não há racismo em Portugal… O que aconteceu à Conceição Queiroz vai, uma vez mais, passar ao lado de muita gente e impune”, começou por escrever.

“O que esta mulher está a dizer à Conceição é de um racismo claro, mas muitos brancos vão dizer: ‘não interessa nada’, ‘a mulher vê-se que está drogada, coitada’, ‘a Conceição aguenta’, ‘não é por ela ser negra’, ‘acontece a muitos jornalistas’”, acrescentou.

Rita Pereira ofereceu ajuda e pediu “justiça”:

“Revolta-me! Quero ajudar, quero justiça, quero que abram os olhos e vejam com olhos de ver o que se passa em Portugal, vezes e vezes sem conta. Chega! Já chega de nada acontecer a estes racistas!”

A comunicadora fez questão de deixar, ainda, uma mensagem repleta de elogios a Conceição Queiroz.

“És uma jornalista incrível e a televisão é o teu lugar. Linda, inteligente, culta, guerreira, batalhadora, querida e educada. Queremos-te sempre no ecrã!” rematou.

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published.