Rhye, o projeto do músico de Los Angeles Michael Milosh, lançou nesta semana o seu aguardado álbum, Home, disponível via Loma Vista RecordingsHome, o lançamento depois de Blood, de 2018, é centralizado na ideia do lar como a raiz da criatividade e comunidade. É familiar em sua síntese de batidas propulsivas, floreios orquestrais, ruminações de piano e vocais abafados e não-conformes de gênero, mas que nunca soaram tão coesos e vivos.
Como apresentados nos últimos singles “Black Rain,” “Beautiful,” “Helpless,” e o mais recente “Come In Closer,” todos os elementos de Home são intencionais e reverberam um plano extra-sensorial.
Composto ao longo de 2019 e começo de 2020, Home foi gravado no United Recording Studios, Revival at The Complex (Earth, Wind, & Fire), e também no estúdio caseiro de Milosh, e mixado por Alan Moulder (Nine Inch Nails, Interpol, My Bloody Valentine).
O álbum conta com a participação do Coro Nacional de Meninas da Dinamarca, com quem Rhye se apresentou junto em um show na Dinamarca em 2017. O coro viajou para Los Angeles para gravar com ele por um dia. É reflexivo das próprias experiências de Milosh de cantar em uma coral, seu ponto de entrada para o caminho que destacou seus vocais distintos. “Estou sempre tentando alcançar objetivos musicais que estão ligados à forma como eu ouvia e interagia com a música quando criança,” diz Milosh.O sentimento também ressalta um tema mais amplo, menos óbvio, mas não menos importante, ecoado em seu novo álbum: Não importa onde a vida nos leve, sempre podemos voltar para casa.

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published.